Nutrição Materno Infantil

Uma das minhas funções na Ilha de Moçambique é dar formações sobre a Alimentação na Gravidez, por isso, hoje trag-vos este tema que considero bastante relevante. As formações que estou a dar aos técnicos de saúde das Unidades Sanitárias deste distrito são de temas diversos, mas aqueles que irei abordar até Junho de 2017 estão relacionados com a Nutrição Materno-Infantil, que é uma das minhas área de eleição para trabalhar. Como tal, decidi que sendo este um blog também sobre Nutrição, não queria deixar de partilhar com vocês temas também desta área. Até porque acredito que existam por aí seguidoras mamãs ou futuras mamãs, e que a Nutrição Materno-Infantil seja algo que seja do vosso interesse. Posto isto, hoje esta publicação é sobre a Alimentação da Mulher Grávida. Alimentação na Mulher Grávida Sabias que mesmo antes da concepção do bebé, a mulher que pretende engravida, já deve ter uma alimentação nutricionalmente adequada para poder vir a desenvolver um bebé saudável? Pois é, a Alimentação da mulher grávida tem importância mesmo antes da gravidez se dar. Para que todo o processo seja benéfico tanto para a mãe como para o bebé, é essencial que a Nutrição seja a adequada em todos os momentos desta fase de vida da mulher. Qual a importância da Alimentação nesta fase? Durante o processo da gravidez, isto é, durante os nove meses de gestação, a mulher vai sofrer variadíssimas alterações no seu organismo que vão influenciar nas suas necessidades de nutrientes. Tudo aquilo que a mulher grávida ingere terá influência no desenvolvimento do feto, uma vez que toda a sua fonte de nutrientes vem da alimentação da mãe, bem como das suas reservas nutricionais. Não nos podemos esquecer que cada caso é um caso e cada mamã é uma mamã. A alimentação deve adaptar-se a cada mulher e deve-se ter em conta as suas necessidades individuais. Que alterações acontecem nesta fase e que levam a necessidades nutricionais especiais? São as alterações no corpo da mulher que vão levar a um aumento das necessidades nutricionais, pelo que é importante a sua referência. As alterações mais óbvias e visíveis são as que acontecem a nível da sua composição corporal, isto é, há um aumento do volume corporal dando-se o aumento de peso. Também o volume sanguíneo vai ser alterando, acontecendo um aumento do volume plasmático e volume de hemácias. O sistema cardiovascular e o sistema respiratório vão sofrer alterações, no sentido em que de vai dar um aumento da frequência cardíaca e da frequência